Cabelos Coloração Coloração Permanente Loiros

Coloração ou descolorante: vamos te mostrar como ficar loira

Por: BEAUTYCOLOR 28 de janeiro de 2020

Até quem tem cabelos escuros pode radicalizar e investir nos cabelos claros que estão com tudo no verão; confira nossas dicas sobre os procedimentos mais indicados para se transformar numa hollywood blond.

Tempo de leitura:   4 minutos

Coloração ou descolorante: vamos te mostrar como ficar loira

Ei, se você está pensando em mudar seu visual, não deixe de ler essa matéria. Hoje, vamos te explicar a diferença entre a coloração e a descoloração. Esses são os dois procedimentos indicados para as mulheres que querem divar com as madeixas loiras no verão!

Primeiro, vamos falar da coloração. Esse tratamento deposita pigmento na fibra capilar e é ideal para quem quer cobrir cabelos brancos, intensificar sua cor natural ou dar uma repaginada no visual.  Em qualquer situação, é bom se informar sobre qual tipo de coloração é mais indicada para alcançar os resultados desejados.

Para quem deseja radicalizar o look mudando a tonalidade dos fios - de dois a três tons - ou para fazer os cabelos brancos desaparecer num passe de mágica, a tintura permanente é a mais indicada.

Alguns desses produtos são feitos com amônia, substância que promove a abertura da cutícula dos fios. Nesse processo, um pigmento sintético é introduzido na fibra capilar, cobrindo 100% dos fios brancos.

O tonalizante é uma coloração semipermanente, sem amônia, indicada para as mulheres que desejam reavivar a cor dos cabelos. A diferença em relação à anterior é que a duração da coloração e a cobertura dos fios são um pouco menos intensas -  não cobrem os fios brancos, por exemplo. Na tonalização o pigmento escolhido é depositado sobre a cutícula capilar enquanto a cor original do cabelo é mantida dentro do fio. 

Trocando em miúdos, o tonalizante não penetra na fibra capilar e, por isso, oferece um resultado mais leve e com menor durabilidade do que a tinta permanente. 

O tonalizante é ideal, sobretudo, para quem quer deixar as madeixas com um brilho incomparável!  Além disso, por ser livre de amônia ou qualquer substância que venha a ser incompatível com algum ingrediente usado nos procedimentos químicos, pode ser aplicado com segurança em cabelos que possuam processos como alisamento ou progressiva.

A descoloração

A ação do descolorante é diferente do processo da coloração. O descolorante penetra na cutícula dos fios, retirando todo o pigmento do cabelo, assim como sua proteção natural, que mantém os cabelos saudáveis. É por isso que, nesse procedimento, os fios perdem massa capilar, ou seja, ficam frágeis e ressecados.

Aí está a importância de realizar alguns procedimento pré-descoloração, como uma super reconstrução com aplicação de queratina, por exemplo. Assim é possível manter a cabeleira sedosa, mesmo após o clareamento dos fios.

Descoloração em etapas para cabelos escuros

Se o seu cabelo é escuro, vai precisar de ajuda profissional para chegar no tom que deseja. Clarear fios mais escuros realmente pode ser um pouco demorado, mas não se preocupe: descolorir o cabelo preto não é coisa de outro mundo.

A descoloração em etapas é uma estratégia para não estragar os fios, evitando a probabilidade de atingir corte químico ou efeito emborrachado. É indicada para cabelos naturalmente escuros ou com pigmentos de outros tons, que não se aproximam das nuances loiras.

O primeiro passo é realizar um teste de mecha: basta pegar uma mecha pequena de seus cabelos, a tinta e o pó descolorante que serão usados e aplicar nela, observando se ocorrerá alguma reação adversa.

Além disso, o processo de descoloração do cabelo preto deve ser feito em todo o comprimento para evitar manchas e diferentes tonalidades pelas mechas. Uma das maiores dificuldades do preto é conseguir clareá-lo de forma uniforme de cima a baixo, já que na raiz a temperatura é mais quente e o descolorante age mais rápido.

Os estágios da descoloração: do preto para o loiro platinado

1) No primeiro estágio, o profissional terá que esperar a raiz ficar alaranjada para depois enxaguar. É preciso ter um pouquinho de paciência: na primeira descoloração as pontas ainda estarão avermelhadas.

2) Apenas na segunda descoloração será possível deixar o cabelo no tom loiro escuro. No entanto, em alguns casos, as madeixas terão um aspecto bastante alaranjado. Para dar cobertura nesses reflexos quentes, o próximo passo é usar uma das colorações platinadas, da linha Hollywood Blondes da BEAUTYCOLOR - mas essa coloração só irá dar a cobertura ideal se os seus fios estiverem com tom loiro acima de 10. Nesse momento, em alguns processos de coloração, o platinado ainda não será completamente visível. Se esse for o seu caso, recomendamos mais uma dose de paciência, já que será necessário dar uma pausa na coloração para garantir que os cabelos permaneçam saudáveis.

3) Pronto: você já deu uma pausa de 30 dias e agora é hora de fazer mais uma descoloração para chegar a um tom de mel. Enfim, chegou a hora que você tanto esperou: mais uma aplicação da nuance platinada - lembrando que os seus fios precisam estar com o tom loiro acima de 10. Se ainda não chegou ao resultado almejado, ele está bem pertinho: basta reaplicar a coloração a cada 20 dias até alcançar o platinado perfeito.

Agora que você já está por dentro das diferenças entre a coloração e a descoloração, é hora de escolher qual o tom de loiro que mais combina com você e marcar uma hora com o seu cabeleireiro. Para conhecer os produtos da BEAUTYCOLOR que vão te dar uma ajudinha extra para ficar loira, acesse: beautycolor.com.br/portal-da-cor.


PRODUTOS DO POST

Por: BEAUTYCOLOR

POSTS RELACIONADOS


SIGA A BEAUTYCOLOR NO INSTAGRAM

VISITAR INSTAGRAM

Quando você acessa este site, podem vir a ser coletados alguns dados relacionados ao seu dispositivo, bem como cookies, a fim de que possamos operacionalizar os nossos sistemas e fornecer conteúdos personalizados para você. Para aceitar, clique no botão